sábado, 25 de junho de 2011

142|Desespero


Sociedade deprimente,
consumista e sem escrúpulos,
invejosa e impiedosa.
Humanidade imunda,
que enche os bolsos com a destruição
daquilo que os rodeia.
Apenas uma pessoa representa a pureza,
essa pessoa é a única que consegue tomar consciência do que acontece.
Podem achar que ela se vangloriza por ser imune a tudo,
mas não, ela sofre por todos.
Sofre porque vê no que todos se tornaram.
Por ser a única que não cega, reza para que tudo mude,
para que tudo volte a ser como dantes.

(por acabar)
mas digam como acham que está a ficar :P

57 comentários:

  1. Sim fui, e ainda organizei uma excursão com saída no Porto até lá :D
    foi BRUTAL!

    ResponderExcluir
  2. Sim tenho ar, isto é, estou com uma corzinha de quem andou a apanhar sol (mas não)!

    ResponderExcluir
  3. Olá! Eu estou a gostar! Deverias continuar porque apesar de ser um poema está subjacente uma crítica! :) Obrigada pelos teus comentários! :) Já é um hábito não me apetecer estudar com os exames a aproximar-se! ahah e o bonito é que ainda não estudei quase nada... enfim! beijo!

    ResponderExcluir
  4. Não está nada de especial :$ Foi só um desabafo.

    Eu estou a gostar bastante de como está a ficar :D

    ResponderExcluir
  5. Só tenho más experiências :s

    Adoro, acho que está a ficar muito bom (:

    ResponderExcluir
  6. Adorei o seu blog e já estou seguindo visite o nosso e seja um seguidor ...

    Abraços ¬¬

    (http://www.marizmoda.blogspot.com)
    Nossos twitter's @FabioMarizReal & @MarizModa

    ResponderExcluir
  7. gostei imenso *
    bem, Gonçalo, ao contrário de ti, eu acho-te extremamente simpático e não penses em negar sequer :o

    ResponderExcluir
  8. oh, obrigada (; é bom saber isso :D

    ResponderExcluir
  9. ó, não penses assim... não faço nada de mais!
    ahh, e às vezes não é bom viver no limite. mas obrigada por «curtires» da MINHA maneira de viver. ;)

    ResponderExcluir
  10. muito obrigada. fi-lo de propósito, não queria que ninguém dissesse nada

    ResponderExcluir
  11. obrigada! votaste na sondagem? (:

    ResponderExcluir
  12. As pessoas têm "uma língua muito grande" e quando não sabem inventam! ahah enfim! não há nada que possa fazer eu acho que até já nem ligo mas pronto... ;)

    ResponderExcluir
  13. Como está a ficar? Muito bom, muito bom mesmo! :)

    ResponderExcluir
  14. muito obrigado gonçalo!
    e pelo que já está feito, o poema está muito bom. continua :)

    ResponderExcluir
  15. realidade dura e crua, gostei gonçalo

    ResponderExcluir
  16. até agora estou a amar :)
    porque nao escreves um livro afinal ? olha, tinhas futuro !

    ResponderExcluir
  17. A escolha dos adjectivos fascinou-me, está óptimo agora é só continuar assim.

    ResponderExcluir
  18. obrigada :)
    adorei o que escreveste até aqui, continua *

    ResponderExcluir
  19. Está qualquer coisa de inexplicável!

    ResponderExcluir
  20. está a ficar muito bom, continua! :D

    ahah, eu sei, aqlo é tp a vergonha da minha vida xD

    ResponderExcluir
  21. Estou a gostar muito do poema e concordo com as palavras :)
    Um beijo, sigo!

    ResponderExcluir
  22. Já sigo de novo :b

    Em que é que não sabes mexer? Em publicar, mudar o tema? Em que?
    Não sou expert mas posso tentar ajudar-te :b

    ResponderExcluir
  23. Está a ficar muito interessante... continua com o belo trabalho e esforço xD

    ResponderExcluir